Investimentos em e-commerce cresceram 127% na última década |
Investimentos em e-commerce cresceram 127% na última década
Investimentos em e-commerce cresceram 127% na última década

Investimentos em e-commerce cresceram 127% na última década

É cada vez mais fácil encontrar empresas brasileiras que aderiram ao serviço de e-commerce. Na última década, os investimentos no setor cresceram 127%, segundo pesquisa do Centro de Tecnologia de Informação Aplicada (GVcia) da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV-EAESP). Só no ano de 2013, o e-commerce movimentou R$ 28,8 bilhões no Brasil, com previsão de aumento de 20% para 2014.

A pesquisa também mostrou que o conceito está consolidado no país, sendo parte importante do mercado. Em relação ao ano passado, houve crescimento tanto nas transações entre negócios quando nas transações negócio com consumidor. Para as empresas entrevistadas, o relacionamento com cliente é o aspecto mais importante do comércio eletrônico. Além disso, são pontos importantes apontados a privacidade e segurança, além do alinhamento estratégico e adoção de público.

E-commerce como primeira opção

Por conta desse mercado aquecido, muitos novos investidores acreditam que o e-commerce é uma boa forma de iniciar um negócio. Além de permitir esse contato mais próximo com cliente, ele traz facilidades para quem quer comprar. Para o diretor da empresa on-line Boutique do Homem, Norman Neto, essa forma de comércio tem diversos pontos positivos para o cliente. “Primeiro, é fácil de pesquisar e de encontrar exatamente o que você precisa. Outro fator muito interessante é a comodidade de receber o produto em casa, sem precisar se preocupar com nada”, destaca.

Para o sucesso de um e-commerce, o empresário afirma que o relacionamento com clientes deve ser tratado com muita atenção. É preciso que funcione de forma clara e aberta, com retorno de solicitações, dúvidas, informações (via e-mail, telefone e/ou redes sociais) em no máximo 12 horas. “Assim como no mercado tradicional, o bom atendimento é fundamental. Procuramos responder todos os clientes com muita agilidade e objetividade”, destaca Norman.

Fonte: Administradores.com.br

0 Comentários









Mensagem:


, ,